Perguntas Freqüentes

Como é a planta açaí?

Resposta: É uma palmeira com vários caules. É bonita, vistosa e pode chegar a 30 metros de altura.

Como se faz o açaí?

Resposta: Ele é colhido, despolpado e esta polpa pode ser congelada ou pasteurizada.

Quantos anos se espera para colher o açaí?

Resposta: Após a muda ser levada ao solo, demora em torno de sete anos para a primeira colheita.

Além da polpa, o que mais se aproveita da planta?

Resposta: Das folhas, pode se fazer cobertura para cabanas; o cacho pode ser usado como uma vassoura rústica; o caule, se tratado, pode ser usado como ripas para construção; o que sobra do despolpamento, se for triturado, pode enriquecer a ração animal; e por último, da parte entre as folhas e o caule, pode-se extrair o delicioso palmito de açaí. Como se vê, tudo se aproveita desta fabulosa planta.

Por que o açaí esta tão em evidência hoje em dia?

Resposta: Embora o açaí possa ser cultivado em outras regiões, como por exemplo o Vale do Ribeira, ele é oriundo da região norte do pais. Embora não seja das regiões mais ricas do país, observou-se que suas crianças cresciam fortes e saudáveis. Sabendo-se que a base da alimentação delas é o açaí, houve interesse em se estudar mais a fundo esta planta e se descobriu todas as qualidades dela.

Qual a grande vantagem para as crianças?

Resposta: Além de ser um alimento completo, contém muito ferro, que aliado a outras substâncias, combate a anemia.

E para o jovem?

Resposta: Os jovens são pessoas normalmente muito ativas. Sabe-se que as atividades liberam radicais livres que são responsáveis pelo envelhecimento. O açaí, é um excelente repositor energético e rico em substâncias que combatem os radicais livres.

Por que o açaí é indicado para as pessoas da Terceira Idade?

Resposta: Além de ser rico em vitaminas e sais minerais, tem também fibras que auxiliam no bom funcionamento do intestino. Tem também muito mais substâncias antioxidantes que o vinho, retardando o envelhecimento, dando mais disposição e energia para a mais madura das idades.

Contato

Não encontrou a resposta para a sua pergunta?

Clique aqui e envie a sua pergunta